• Hamasul News

Dicas de brinquedos para brinquedotecas e salão de jogos de condomínios

Qual criança não gosta de correr, brincar e se divertir? Porém, os espaços de brincar estão cada vez mais reduzidos para aqueles que moram em apartamento. Para proporcionar momentos de diversão para a criançada e segurança aos pais, os condomínios estão investindo em brinquedotecas, áreas kids e salões de jogos – e investir nesses espaços requer muito cuidado e atenção. O primeiro passo é procurar uma empresa com certificados de qualidade e segurança e estar atendo para as indicações de brinquedos para cada idade.

Os bebês de 6 meses a 2 anos ainda brincam sozinhos: eles adoram apertar, sacudir, jogar, bater, empilhar. Recomendo para eles as mesinhas da linha Toy, um modelo colorido que chama a atenção dos pequenos. Suas atividades psicomotoras e interativas ensinam e divertem os bebês.


Os pequenos de 2 a 3 anos gostam de brinquedos que as induzam ao movimento, opções para montar, criar estórias e objetos. Para essa idade sugiro a Área Baby, um modelo que não pode faltar em espaços recreativos: esse mini kid play com piscina de bolinha, multicolorido se destaca por ter um visual atrativo, estimular brincadeiras coletivas, promover interação e sociabilização entre as crianças. Também indicamos mesinhas de massinhas e bloquinho que despertam a criatividade da criançada.


Já as crianças acima de 3 anos se divertem com cenários, kid play e eletrônicos. Esses brinquedos estimulam as brincadeiras em grupo que são muito importantes para a socialização. As cenografias despertam o lúdico e a criatividade, são diversas opções que não podem faltar em seu espaço, dentre elas estão camarim, pet shop, posto de gasolina, casinha e mercadinho.


Se a ideia for montar um salão de jogos, há opções de eletrônicos como simuladores de carros e motos, multijogos com jogos clássicos, air game e basquete, esses são indicados para crianças e adultos.



Davi Gaspri, sócio-proprietário da Nogueira Brinquedos, está há mais de 15 anos no mercado de entretenimento. Desde 2011, atua no segmento de fabricação de brinquedos e eletrônicos. Estar atento as necessidades das pessoas e do mercado permitiu que ele criasse uma linha de produtos, dentre eles a Top Speed, sucesso de vendas em meados de 2012. Em 2016, o executivo assumiu as operações da Nogueira Brinquedos, isto possibilitou que continuasse inovando na indústria de brinquedos com diversas opções de kids play, cenografias e mobiliários, simuladores e eletrônicos para áreas de entretenimento de condomínios, buffet, escolas, restaurantes, shoppings e estabelecimentos comerciais. Atualmente é responsável pela criação de estratégias operacionais da empresa.

166 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo