top of page
  • Foto do escritorHamasul News

Dia do Síndico: desafios e delícias do dia-a-dia da função

No próximo dia 30 de novembro, comemora-se o Dia do Síndico. A Hamasul aproveita a ocasião para parabenizar a todos os síndicos que trabalham em conjunto com a administradora. “O síndico é o nosso principal parceiro. Precisamos ter uma relação de confiança mútua e, por isso, a Hamasul preza muito a parceria com nossos síndicos”, diz Antônio Carlos Gimenes, sócio-proprietário da Hamasul. “Por isso, nesta data, parabenizamos a todos os profissionais que se dedicam na tarefa da administração condominial. O dia de comemoração é um só, mas todos sabemos que este profissional merece os parabéns durante todo o ano, por realizar essa tarefa no dia-a-dia.”


Para entender melhor como é a visão e os desafios desse profissional, conversamos com dois funcionários da Hamasul que também atuam como síndicos. “A complexidade multidisciplinar que existe nos condomínios nos dá vivência em diversas áreas, proporcionando uma experiência muito rica”, diz Marcos Eduardo Silva, coordenador operacional do núcleo de condomínios da Hamasul, sobre sua experiência na função. “É muito além das responsabilidades determinadas no código civil e nas convenções. O síndico representa a massa condominial, é o facilitador dos condôminos e visa o bem da coletividade”.


“Gostaria de parabenizar todas àquelas pessoas que, com as melhores intenções, se colocam a disposição para colaborar com o condomínio e muitas vezes deixam de lado o seu lazer, seu divertimento, seu descanso, para buscar o bem dos outros moradores”, diz Rodrigo Araújo, gestor de negócios da Hamasul, e também síndico. “É uma grande responsabilidade, você é escolhido pelos demais para representá-los, e acima de tudo são depositadas confiança e expectativa grandes em relação às necessidades de todos”.


Ambos os colaboradores da Hamasul concordam que o maior desafio do síndico é no aspecto da convivência humana. Marcos cita os desafios: “Administrar os conflitos de convivência, principalmente convergir os interesses dos condôminos em ações e decisões que atendam a todos, ou pelo menos a maioria deles”. Para ele, esse é o maior desafio, somado à gestão de colaboradores e prestadores de serviço. Já Rodrigo levanta a questão de como seu dia-a-dia na Hamasul o ajuda durante a rotina de síndico do prédio onde mora. “O que ouvimos dos síndicos e condôminos no dia-a-dia na Hamasul ajuda muito a gente na função, a implantar coisas boas e tratar diversas situações”, diz ele.


Rodrigo ainda lembra que, mesmo com todo o preparo, é imprescindível ter ao lado uma administradora. “Ela nos dá suporte técnico e legal e cuida de todos os trâmites administrativos”, explica. E dá uma dica valiosa: “Não se abre mão de integridade, competência e transparência de uma administradora. Se a empresa não tiver sem essas qualidades obrigatórias, fuja”.


“Coincidentemente em outubro, completei 20 anos de Hamasul”, conta Marcos. “Neste longo caminho, tive a oportunidade de aprender e atuar em diversas áreas, e isso me proporcionou visão 360º da administração de um condomínio”.

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Como funcionam os armários inteligentes para condomínios?

Inovação que está ganhando cada vez mais destaque no setor imobiliário e na gestão de propriedades, os armários inteligentes são projetados com tecnologia avançada para oferecer maior conveniência, se

O boom do mercado imobiliário na baixada

Já faz parte da rotina: andar e ver novos empreendimentos sendo erguidos, cada vez maiores e com mais funcionalidades. O litoral de São Paulo vem experimentando, especialmente nas últimas décadas, um

Comments


bottom of page